Seu carrinho está vazio

Isca para Roedores MAKI SOFT BAIT De Sangosse 200g ( 20 sachês de 10 g )

SKU: 10930

Modelo: Isca Fresca

raticida maki soft
  • raticida maki soft
Avaliações - (0)
R$ 19,90
R$ 10,90 -45%
no boleto bancário ou transferência eletrônica
R$ 12,10 no cartão em até 5x
de R$ 2,42 (sem juros)
R$ 11,75 em 1x no cartão de crédito | Ver mais parcelas
Produto indisponível!Podemos avisar você quando estiver disponível?

Características

Detalhes

Destaques
- MAKI SOFT BAIT (Bromadiolone 0,005%) é altamente eficaz para o controle de roedores. Sua formulação confere atratividade superior aos demais raticidas do mercado. Apresenta boa resistência às oscilações de temperatura e umidade. É seguro, prático e embalado individualmente.

Fabricante

Marca
Sangosse
Modelo
Isca Fresca

Descrição do produto

DATA DE FABRICAÇÃO: 09/2019 DATA DE VALIDADE: 09/2021 BATCH Nº 0000118264

Composição:

BROMADIOLONE .........0,005% (p/p)
Desnaturante..............0,001% (p/p)
Corante e Atrativos q.s.p.......... 100% (p/p)

Caracteristicas:

- MAKI SOFT BAIT (Bromadiolone 0,005%) é altamente eficaz para o controle de roedores.

- Sua formulação confere atratividade superior aos demais raticidas do mercado.

- Apresenta boa resistência às oscilações de temperatura e umidade.

- É seguro, prático e embalado individualmente.

Modo de uso: 

- O Maki Soft Bait deve ser acondicionado em caixa porta-isca ou de forma a evitar o contato com o solo.

- Distribuir as iscas em locais em que os roedores possam comer sem serem pertubados e que o maior número de ratos tenha acesso às iscas. 

- A quantidade de pontos de iscagem irá variar de acordo com o grau de infestação e o tamanho da área a ser desratizada.

- Não há a necessidade de abrir o sachê.

- Antes de usar, ler com atenção as instruções do rótulo.

IDENTIFICAÇÃO DE PERIGOS
Perigos mais importantes: o produto pode ser tóxico ao homem e ao meio
ambiente se não utilizado conforme as recomendações.
Efeitos do Produto:
Efeitos adversos à saúde humana: o produto pode ser nocivo em
contato com a pele.
Efeitos Ambientais: não são conhecidos efeitos ambientais deste
produto.
Perigos físicos e químicos: não há perigos conhecidos.
Principais Sintomas: se houver ingestão do produto, podem ocorrer náuseas,
vômitos, dor abdominal, e sintomas tardios como: equimoses, sangramento
excessivo após traumatismos, sangramento nasal e gengival, sangue nas
fezes e urina, palidez. Em casos mais graves podem ocorrer hemorragias
maciças, que podem levar a óbito.

MEDIDAS DE PRIMEIROS SOCORROS
Medidas de Primeiros Socorros: levar o acidentado para um local arejado.
Retirar as roupas contaminadas. Lavar as partes do corpo atingidas com água
em abundância e sabão. Se o acidentado estiver inconsciente e não respirar
mais, praticar oxigenação ou respiração artificial. Encaminhar ao serviço
médico mais próximo levando esta ficha.
Inalação: remover a pessoa para local arejado. Se respirar com dificuldade,
consultar um médico imediatamente. Se não estiver respirando, faça
respiração artificial. Utilizar um intermediário (tipo Ambu®) para realizar o
procedimento.
Contato com a pele: lavar imediatamente a área afetada com água em
abundância e sabão. Remover as roupas contaminadas. Ocorrendo
efeitos/sintomas, consultar um médico. Lavar as roupas contaminadas antes
de reutilizá-las e descartar os sapatos contaminados.
Contato com os olhos: lavá-los imediatamente com água em abundância pela
maior quantidade de tempo possível. Manter as pálpebras abertas de modo a
garantir enxágüe adequado dos olhos. Consultar um médico caso se
desenvolva irritação.
Ingestão: não provocar vômito, entretanto é possível que o mesmo ocorra
espontaneamente não devendo ser evitado. Deitar o paciente de lado para
evitar que aspire resíduos. Procurar um médico imediatamente. ATENÇÃO:
nunca dê algo por via oral para uma pessoa inconsciente.
Quais ações devem ser evitadas: não aplicar respiração boca a boca caso o
paciente tenha ingerido o produto. Utilizar um intermediário (tipo Ambu®) para
realizar o procedimento.
Proteção para os prestadores de primeiros socorros: evitar contato oral,
cutâneo, ocular e inalatório com o produto durante o processo.
Notas para o médico: em caso de ingestão recente de grandes quantidades,
procedimentos de esvaziamento gástrico tais como lavagem gástrica,
poderão ser realizados. O carvão ativado deverá ser administrado para
diminuir a absorção gastrintestinal dos ativos devendo ser ministrado associado à laxantes salinos. O antídoto é a vitamina K1 que deverá ser administrada com a finalidade de proteger contra os efeitos anticoagulantes
sempre que o tempo de protrombina (TP) estiver alterado (maior que 18 segundos). Doses da vitamina K1: adultos e crianças acima de 12 anos: 15 –25 mg. Crianças menores que 12 anos: 5 – 10 mg. As doses deverão ser repetidas à cada 6 horas até a normalização do TP. Após este tratamento, manter que o paciente em observação por 4 a 5 dias após a ingestão.

Ofertas relacionadas

Avaliações do produto

Ei, esse produto ainda não foi avaliado!

Conte para todos o que você achou dele.

Agromania e os cookies: a gente usa cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.